Afinal, qual diesel usar e por quê? Descubra aqui!

4 minutos para ler

Diesel é o combustível mais utilizado no país. E, explicar o porquê é extremamente fácil quando se observa o custo-benefício que proporciona. Ele é extraído por meio da destilação do petróleo, criando hidrocarbonetos (carbono e hidrogênio), além de outros elementos como enxofre, nitrogênio e oxigênio. Isso significa, em termos práticos, maior versatilidade e autonomia para esse tipo de combustível fóssil, comparado a outros.

E, falando da composição química, passaremos por ela quando formos tratar sobre os dois tipos mais comuns do mercado: o diesel S500 e S10. Abordaremos neste artigo as diferenças, vantagens e desvantagens de cada tipo. Donos de carros 4×4, bem como caminhoneiros, motoristas de ônibus e vans, devem ficar atentos.

Das diversas aplicações que esse tipo de combustível tem no cotidiano, a pergunta que fica é: afinal de contas, qual diesel usar? Acompanhe pra saber!

O que é o diesel S500?

Também conhecido como diesel comum, o S500 tem esse nome devido ao seu teor máximo de 500 mg/kg de enxofre em sua composição. Sendo reconhecido por sua coloração vermelha, resultada de um pigmento na tonalidade, respeitando norma obrigatória estabelecida pela ANP – Agência de Petróleo, Gás Natural e Combustível.

O diesel S500 não apresenta nenhum tipo de aditivo, mas sim um interessante nível mínimo de 42 de cetano — cuja a presença, quanto maior, define uma melhor combustão e menor atraso de ignição.

Powered by Rock Convert

Todas as suas características, comparadas às do S10, serão melhor exploradas a seguir, facilitando para o leitor a decisão de qual diesel usar. Mas, deve-se saber que o uso do S500 só é recomendado para carros anteriores ao ano de 2012, enquanto o S10 é altamente recomendável para carros mais novos, podendo, inclusive, ser usado também nos anteriores a esse período.

O que é o diesel S10?

Fazendo frente, o S10 apresenta uma adição de biodiesel em sua composição. Isso resulta em um teor de enxofre máximo de 10 mg/kg, que desemboca em uma redução da emissão de partículas nocivas na atmosfera, causando menos danos ao meio ambiente.

Como já foi dito, o nível de cetano define certa eficiência, e o do S10 é de 48, seis a mais que o S500. Outra coisa para se levar em consideração sobre qual diesel usar, é a capacidade desse tipo de ser uma espécie de solvente de sujeiras, devido à maior presença de hidrogênio.

Qual diesel usar?

O primeiro fator a se levar em consideração é a emissão de gases poluentes. A produção do S10 é a realização de um esforço do Brasil, que desde 2014 disponibiliza a comercialização deste combustível com baixo teor de enxofre. Nesse caso, o ponto fica com o S10

Além disso, é importante reforçar que veículos mais modernos, pós 2012, necessitam dos benefícios do diesel S10. Usar S500 nestes casos, significa acarretar problemas a longo prazo. O S10 ainda pode ser utilizado em motores mais antigos, assim como o S500 — a vantagem aqui vai pela emissão de gases poluentes, consideravelmente menor, do primeiro.

Em resumo, o que podemos concluir é que que o diesel S10 tem grandes vantagens ambientes frente ao S500, além de ser recomendável para veículos novos, como a Volkswagen Amarok. Mas, se ainda restam dúvidas sobre qual diesel usar, bem como qualquer outro assunto relacionado, nos informe na caixa de comentários. Estamos preparados para responder as suas dúvidas!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-